Crianças Com Diabetes O Que Fazer

Crianças Com Diabetes O Que Fazer
Avalie esta postagem

Crianças Com Diabetes O Que Fazer Por ter origem genética, o diabetes tipo 1 é o que mais costuma aparecer na infância e adolescentes. Exigindo aplicações de insulina desde cedo. Já o diabetes tipo 2 costuma aparecer principalmente após os 40 anos e está associado a fatores como obesidade e histórico familiar.

 
Apesar disso, o número de crianças com diabetes tipo 2 vem crescendo são 30 casos na infância em cada 100 registrado. Segundo dados da American Diabetes Associação. O índice elevado está relacionado com aumento da obesidade infantil o excesso de peso é diagnosticado. Cada vez mais cedo, elevando significativamente o risco desenvolver doenças como diabetes e colesterol alto.

 

 

Mesmos Cuidados Com Crianças Com Diabetes

Quando a doença é diagnosticada. O tratamento para as crianças com diabetes é o mesmo dos adultos.
Aplicações de insulina no diabetes tipo 1 e mudança de hábitos e medicações no tipo 2. Além de manter consultas regulares com o pediatra.

 

 

Dentro de Casa

Em qualquer situação, dar o bom exemplo. É sempre tarefa dos pais, seja para seguir uma alimentação saudável ou manter exercício físico. Uma das situações mais corriqueira no consultório é ouvir os pais reclamarem que seus filhos não consomem verduras e legumes. Esse estímulo deve vir dos pais, que muitas vezes não consomem esses alimentos, o que dificulta a oferta aos filhos. Diz a nutricionista Eliane Pádua, que recomenda não substituir as refeições por lanches como salgados fritos. Ou industrializados, evitar oferecer sucos industrializados e refrigerantes e variar na forma de apresentar os alimentos. As crianças com diabetes se uma cenoura crua não foi bem aceita, que tal oferece-la refogado.

 

 

Equilibrando o Lanche

Uma lancheira saudável. Deve ter pelo menos uma porção dos três grupos fundamentais dos alimentos.
Que são os energéticos, construtores e reguladores, os energéticos são os pães, cereais, batata os de origem animal como leite. E derivados que ajudam na formação do corpo, os reguladores são as verduras, frutas e legumes. Que controla as funções do organismo. Montar a lancheira com uma fruta, um iogurte e um pouco de granola, ou um queijo e uma fatia de pão integral. Por exemplo, é uma maneira de oferecer a criança com diabetes um equilíbrio de nutrientes e saciar bem a fome durante o horário.

 

 

E Fora de Casa Também

Uma das dificuldades enfrentadas. Pela família com crianças com diabetes são os cuidados com alimentação e medicação. Em lugares onde os pais ou responsáveis não estão presentes. Isso porque as crianças estão frequentemente expostas a comidas calóricas, seja em festas, infantis lanchonetes. E até mesmo na cantina da escola. Confira algumas dicas.

 

 

Informe Os Professores

E fundamental informar os professores. Na escola sobre a criança com diabetes e alerta-los sobre as providências a serem tomadas em caso de hiperglicemia ou de hipoglicemia. Todas essas informações podem ser obtidas com o endocrinologista.

 

 

Cartão de Informação

Deixe sempre com as crianças com diabetes. Um cartão de informações sobre a doença e sobre o tratamento em uso, para eventuais intercorrências. Longe das pessoas que a conhecem.

 

 

Festinhas

Em festinhas uma opção. É conversar com o anfitrião antes e providenciar itens como refrigerantes diet, suco natural e doces sem açúcar. Deixe a criança consciente de que as preparações com açúcar devem ser evitadas ao máximo. Mas permita que ela coma salgados cozidos ou assados, dois ou três docinhos ou uma fatia de bolo. As acrianças com diabetes não devem ser privadas desses pequenos prazeres, nem tratadas com exceção. Explica a nutricionista Vanessa Minossi.

 

 

Lancheira Saudável

Em muitas escolas públicas já. Existe o departamento de nutrição, com profissionais responsáveis por montar um cardápio balanceado. Para a merenda do dia a dia. Pais com filhos diabéticos podem acionar o departamento para orientar sobre os cuidados com a alimentação da criança. Nesses casos, uma refeição especializada pode ser montada, atendendo as necessidades do aluno. Já quando as escolas oferecem alimentos a venda é importante orientar as crianças com diabetes. Sobre o que e quanto ela pode comer.
Priva-la ou proibi-la nem sempre é a melhor solução, uma vez que ela estará cercada de outras crianças consumindo todo tipo de produto. O importante é que ela tenha um nível de independência para saber que uma pequena quantidade não fará mal. E que, nos casos de diabetes tipo 1, é necessário ajustar as doses de insulina.

 

 

Vida Normal

As crianças com diabetes não deve. Ser privadas de atividades físicas ou de brincadeiras típicas da infância, pelo contrário os exercícios devem ser estimulados. Uma vez que colaboram com um melhor controle da glicemia. Bastam alguns cuidados para evitar mal-estar após a agitação, como medir a glicemia antes e depois da atividade física. E sempre que necessário, fazer uma pausa para um lanche leve. E indicado que os pais tenham uma conversa franca com o professor de educação física, para que ele saiba como proceder. Em casos de hipoglicemia e para que permita lanches fora de horário estipulado pela escola.

 

 

DICA

Nessa fase. Cuidados com alimentação e atividade física são ainda mais importante. Pacientes com história familiar de diabetes devem ser orientados a:
. Manter o peso ideal.
. Não fumar.
. Controlar a pressão arterial.
. Evitar medicamentos que potencialmente possam agredir o pâncreas.
. Praticar atividade física regular.

Novo E-book Cardápio Do Diabéticos 7 Dias De Cardápio Saboroso Um Para Cada Dia Da Semana ↓

Emerson Fittpaldi

Olá eu me chamo Emerson sou criador do blog. Diabetes Mellitus e Alimentos. E criei esse Blog pra fala sobre. Tipos de Diabetes, Sintomas, Tratamentos, Complicações, é Alimentos que previne a doença.

Website: https://www.diabetesmellitusealimentos.com.br/

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *