Diabetes Insipidus Diagnóstico

Diabetes Insipidus Diagnóstico
Avalie esta postagem

Diabetes Insipidus Diagnóstico. O diabetes insipidus possui alguns sintomas iguais ao diabetes mellitus, porem as causas são diferentes. Muita sede e várias idas ao banheiro para urinar. Esses são alguns dos sintomas que podem indicar que uma pessoa é diabética.

 
No entanto, não significa, necessariamente, que ela sofra de diabetes mellitus, o tipo mais conhecido de diabetes. Que se caracteriza pela hiperglicemia. Existe um outro tipo, mais raro, conhecido como diabetes insipidus, que nada tem a ver com a relação. Entre insulina e glicose. Ao contrário do diabetes mellitus, a insipidus não tem nenhuma ligação com a falha na atividade. Da Insulina e a hiperglicemia.

 

 

Diabetes Insipidus Diagnóstico

HORMÔNIO EM DESORDEM: Para entender esse tipo da doença é necessário conhecer o mecanismo de hidratação do organismo. Duas glândulas presentes no sistema nervoso chamado de hipotálamo e hipófise são responsáveis. Por produzir e armazenar o hormônio vasopressina ou hormônio antidiurético (ADH, em inglês),
Ele é liberado na corrente sanguínea e serve para evitar a desidratação do corpo, agindo de duas formas. Estimulando a sede e diminuindo a quantidade de água que passa pelos rins e é liberada na urina. O diabetes insipidus surge quando há uma alteração na produção ou ação da vasopressina no organismo. Gerando um excesso de perda de água pela urina, chamada de poliúria, além de grande ingestão de água. Até 18 litros por dia.

 

 

Diabetes Insipidus Diagnóstico

CENTRAL E NEFRO GÊNICO: Também conhecido como diabetes insipido, a doença pode ter duas causas.
O diabetes insipidus central surge quando há produção inadequada do hormônio vasopressina. Doenças infecciosas, inflamatórias, vasculares ou neoplásicas do sistema nervoso central, traumas, cirurgias. E radioterapia podem destruir os neurônios que produzem a vasopressina, explica a endocrinologista. Maria Elizabeth, especialista em diabetes. Com essa falha, o paciente perde a capacidade de concentrar a urina, eliminando-a em grande quantidade. O distúrbio também pode ser congênito, devido a, má formação da hipófise e do hipotálamo ou por alterações no gene. Do, vasopressina, a outra causa que pode levar a doença são alterações renais que impedem que a ação do hormônio. Recebendo o nome de diabetes insipidus nefro gênico.

 

 

Diabetes Insipidus Diagnóstico

CAUSAS QUE PODE SER HEREDITÁRIO: A causa pode ser hereditária ou adquirida. No primeiro caso, o gene do receptor do hormônio ou o gene do canal aguaporina, responsável. Pela absorção de água, possuem algum defeito, já os casos adquiridos podem ser provocados por medicamentos. Lítio, cisplatina, elevação do cálcio ou redução do potássio no sangue, doenças inflamatórias, sarcoidose, amiloide se. E anemia falciforme.
Na gravidez, pode ocorrer a metabolização mais intensa da vasopressina por uma enzina da placenta. E o diabetes insipidus se manifesta temporariamente, mas geralmente, regride após o parto. E, importante lembrar que algumas doenças psiquiátricas podem simular o diabetes insipidus. O paciente bebe muita água. Por distúrbios, psicológicos, destaca a especialista.

 

 

Diabetes Insipidus Diagnóstico

QUAIS SÃO OS RISCOS: Por gerar uma grande perda de água. O indivíduo corre o risco de desidratação grave, que pode ocasionar problemas em vários órgãos, inclusive. O cérebro, podendo levar até a morte. O consumo intenso de água também, acaba atrapalhando o sono, a capacidade de trabalho, a alimentação. E o crescimento, em casos de crianças e adolescentes.

 

 

Diabetes Insipidus Diagnóstico

O TRATAMENTO: Ambos os tipos da doença têm tratamento. O central pode ser medicamentoso, com o uso de desmopressina via oral ou inalação. Já o nefro gênico exige uma associação de medicamentos, como a correção dos níveis dos cálcio e potássio no sangue. E a suspensão de medicamentos que causam o diabetes, quando possível. Se o problema persiste ou ser for congênito, doses elevadas de desmopressina, diuréticos amiloride ou hidroclorotizida. Podem ser úteis, afirma Maria Elizabeth.

 

 

Nome Próprio

A palavra diabetes tem origem no grego antigo. E significa sifão, o cano usado para transportar um liquido de uma altura para outra mais baixa. Naquela época, os gregos chamavam de diabetes a doença que fazia com que pessoas urinassem além do normal. Associado a muita sede foi somente no século XVll que se descobriu que havia dois tipos diferentes de diabetes.

e-Book Nível Sob Controle! As Seguintes Receitas Ajudam Na Manutenção Das Taxas De Glicemia No Sangue!

Emerson Fittpaldi

Olá eu me chamo Emerson sou criador do blog. Diabetes Mellitus e Alimentos. E criei esse Blog pra fala sobre. Tipos de Diabetes, Sintomas, Tratamentos, Complicações, é Alimentos que previne a doença.

Website: https://www.diabetesmellitusealimentos.com.br/

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *