Insulina Quais São Os Tipos

Insulina Quais São Os Tipos
Avalie esta postagem

Insulina Quais São Os Tipos

A insulina e quais são os tipos de insulinas. INSULINA REGULAR: E uma insulina rápida e tem coloração transparente. Após ser aplicada. seu início de ação acontece entre maia e uma hora , e seu efeito máximo se dá entre duas a três horas após a aplicação. INSULINA NPH:

 
E uma intermediária e tem coloração leitosa. A sigla NPH que dizer neutral Protamine Hagedorn, sendo Hagedorn o sobrenome de um dos seus criadores. Protamina o nome da substância que é adicionada a insulina para retardar seu tempo de ação. Após ser aplicada, seu início de ação acontece duas e quatro horas, seu efeito máximo se dá entre quatro a 10 horas e a sua duração é de 10 a 18 horas.

 

Análogo

ANÁLOGO DE INSULINA: Moléculas modificadas da insulina Que o nosso corpo naturalmente produz, e podem ter ação lenta. Existem alguns tipos de análogos ultrarrápidos disponíveis no mercado brasileiro, são eles. ASPARTE, LISPRO E GLULISINA: Após serem aplicados, seu início de ação acontece de cinco a 15 minutos e seu efeito máximo se dá entre meia e duas horas. São encontrados também dois tipos de ação longa: GLARGINA E DETEMIR: A insulina Análoga Glargina tem um início de ação entre duas a quatro horas após ser aplicada, não apresenta pico de ação máxima e funciona por 20 a 24 horas. Já o análogo Detemir tem um início de ação entre uma a três horas, pico de ação entre seis a oito horas e duração de 18 a 22 horas.

 

 

 Pré mistura

PRÉ MISTURA
Consiste de preparados especiais que combinam deferentes tipos de insulina em várias proporções. Podem ser 90:10, ou seja 90% de insulina lenta ou intermediária e 10% de insulina rápida ou ultrarrápida. Eles também pode ter outros proporções, como 50:50 e 70:30.

 

 

Aplicação com agulhas

Como deve ser feita a aplicação de insulina. Deve ser aplicada diretamente no tecido subcutâneo camada de células de gordura, logo abaixo da pele. A espessura da pele gira em torno de 1,9 a 2,4 milímetros nos locais de aplicação da insulina. As agulhas utilizadas podem ter 4, 5, 6 ou, no máximo, 8 milimetro. O ângulo de aplicação varia em função da quantidade de gordura da área de aplicação do paciente com diabetes. Por exemplo no caso de uma pessoa magra e com pouca gordura na região de aplicação, corre se maior risco de atingir os músculos. Quando se utiliza agulha mais longa e ângulo de aplicação de 90º em relação a superfície da pele.

 

 

Aplicação com agulha mais curta

Nesse coso pode se optar pro uma agulha mais curta. Fazer uma prega cutânea de pele e aplicar em ângulo de 45º. Lembrando que a prega na pele para quem tem diabetes é utilizada a fim de evitar que a agulha atinja os músculos. Que se situam logo abaixo do tecido adiposo, pois nesse local  pode ser absorvida mais rapidamente.
Deve haver um rodizio entre os locais de aplicação, pois essa conduta diminui o risco de complicações na região da aplicação. Tal como a hipertrofia pontos endurecidos abaixo da pele ocasionado por perda de gordura.
O ideal é aguardar 20 a 30 dias para voltar a aplicar no mesmo ponto. A distância entre dois pontos de aplicação deve ser de mais ou menos três centímetros dois dedos. No abdômen as insulinas podem ser absorvidas de forma mais rápida do que nos braços e coxas.

 

 

DICA

Acima do peso Se está acima do peso certamente terá diabetes algum dia. Esta acima do peso é um dos fatores para desenvolver a doença, mas o histórico familiar e a idade, por exemplo, podem oferecer o mesmo risco.

"E-Book" Receitas Que Levam o Abacate Como Um Importante Aliado Dos Diabético!

Emerson Fittpaldi

Olá eu me chamo Emerson sou criador do blog. Diabetes Mellitus e Alimentos. E criei esse Blog pra fala sobre. Tipos de Diabetes, Sintomas, Tratamentos, Complicações, é Alimentos que previne a doença.

Website: https://www.diabetesmellitusealimentos.com.br/

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *