Nefropatia Diabética

Nefropatia Diabética
Avalie esta postagem

A nefropatia diabética: Após 15 anos de diabetes tipo 1, aproximadamente 40% dos pacientes desenvolvem a nefropatia diabética.Uma doença renal que diminui o ritmo do funcionamento dos rins, podendo chegar até a falência completa.

 
A nefropatia quando essa doença chega a esse estágio, é chamado de insuficiência renal. Que em alguns casos, obriga o paciente a fazer sessões de hemodiálise ou diálise peritoneal. Para substituir a função dos rins assim como com as demais complicações da nefropatia diabética. Só pode ser prevenida. A través do controle da glicemia, do colesterol e da hipertensão. Tais cuidados são importantes também porque pacientes, com nefropatia diabética apresentam.Um alto risco de desenvolver doenças ainda mais sérias, entre elas o infarto do miocárdio.

 

 

O Controle da Nefropatia Diabética

O controle é feito por meio de exames de urina para avaliar se está aumentando a perda de proteínas.
Em especial de albumina, pela urina. Este tipo de exame é feito a parti da coleta da urina produzida durante o período entre 12 e 24 horas. E deve ser repetido anualmente por todo paciente que já tenha o diabetes tipo 1 diagnosticado há mais de 5 anos.

 

 

Sintomas Urinários

Um dos efeitos do diabetes. Sobre o organismo é a alteração na bexiga. Esta alteração corresponde a perda de sua enervação, dando origem ao que os médicos chamam de bexiga neurogênica. A bexiga nesta condição evolui para um estado de infecção urinária, provoca alterações nas funções renais. E apresentando dificuldades para ser esvaziada. No caso dos homens, a bexiga neurogênica provoca também aumento de volume da próstata e causa dificuldades. De ereção, levando a uma condição de impotência sexual.

 

 

Sintomas Renais

A diabetes afeta os rins, mas de maneira sutil. O sistema renal da pessoa portadora de diabetes vai pouco a pouco sendo comprometido sem que ela perceba. De imediato que isto está ocorrendo.
Os sintomas somente irão se manifestar de modo mais explícito quando já tiver ocorrido uma perda substantiva. Das funções renais, perda esta que pode ser identificada por meio dos seguintes sintomas:
. Edema de membros inferiores
. Aumento da pressão arterial
. Anemia
. Perda de proteínas por meio da urina.

 

 

Diagnóstico da Nefropatia Diabética

RENAIS: O comprometimento dos rins do diabético evolui lentamente e sem provocar sintomas. Geralmente, quando se percebe, já há uma perda de função renal significativa. Os principais sintomas são inchaço nos pés edema de membro inferiores, aumento da pressão arterial, anemia. E perda de proteínas pela urina.

 

 

URINÁRIOS

Pacientes diabéticos podem apresentar. Dificuldade para esvaziamento da bexiga em decorrência da perda de sua inervação bexiga neurogênica. Isso pode provocar perda de função renal e funcionar como fator de manutenção de infecção urinária.

 

 

 

 

e-Book Nível Sob Controle! As Seguintes Receitas Ajudam Na Manutenção Das Taxas De Glicemia No Sangue!

Emerson Fittpaldi

Olá eu me chamo Emerson sou criador do blog. Diabetes Mellitus e Alimentos. E criei esse Blog pra fala sobre. Tipos de Diabetes, Sintomas, Tratamentos, Complicações, é Alimentos que previne a doença.

Website: https://www.diabetesmellitusealimentos.com.br/

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *